fbpx

Avaliação tributária – qual a melhor tributação para sua empresa?

 

Então, já está na hora de pensar na avaliação tributária de sua empresa!

Ao final de cada ano e início de novo ano fiscal sempre deve ser feita uma avaliação tributária.

Em razão das modificações da legislação tributária e também do anúncio das possíveis políticas fiscais que serão adotadas.

Portanto, é um trabalho que não pode ser antecipado durante o ano

Então, neste período se colhem com os empresários as projeções de faturamento para o próximo ano.

E também a projeção de número de empregados que serão contratados.

O que é uma avaliação tributária?

Então, assim como nós devemos ir anualmente ao médico e fazer nosso check up, realizando uma série de exames e investigações.

Assim também acontece com as empresas!

Também devem, anualmente, procurar um profissional capacitado na área de planejamento tributário.

Desta forma, avalia-se se os procedimentos fiscais adotados no ano anterior devem ser repetidos. Ou se deve-se encarar uma nova forma de tributação.

É importante que este profissional escolhido pela empresa esteja sempre acompanhando as evoluções da legislação tributária.

Contexto desta avaliação tributária:

Então, esse ano temos a particularidade da reforma tributária.

Acreditamos que não temos mais tempo hábil para grandes mudanças na tributação, mas tudo é possível …

Muitas coisas tem mudado de forma muito rápida…

Assim que terminarmos os estudos da IN SRF 1.911 e da reforma previdênciária, iniciaremos as avaliações aqui no Dreher.

Formas de tributação existentes:

Então, de acordo com as leis vigentes até hoje, temos as seguintes formas de tributação para uma empresa:

  • SIMEI – Microempreendedores individuais;
  • Simples Nacional;
  • Lucro Presumido;
  • Lucro real.

1 – Microempreendedor individual (MEI):

A opção pelo SIMEI para os microempreendedores individuais tem alguns requisitos:

  • faturamento anual igual ou inferior a R$ 81.000,00;
  • o microempreendedor não pode ter sócio;
  • o microempreendedor só pode ter um empregado.

Ao optar pelo SIMEI, o microempreendedor opta por se aposentar só por idade e um salário mínimo.

Esta questão da aposentadoria pode ser diferente se for complementado o recolhimento do INSS.

Veja os pacotes imperdíveis para você MEI ser cliente Dreher e ainda ter um softwware para organizar sua empresa – veja aqui

2 – Simples Nacional:

É um sistema de tributação simplificado para microempresas e empresas de pequeno porte.

E a tributação vai aumentando, à medida que a empresa vai crescendo.

Importante – é ideal para quem está começando e não se enquadra no perfil de Microempreendedor.

Também tem limitação de valor e deve ser cuidadosamente analisado quando o faturamento da empresa começar superar o valor de R$ 150.000,00 (cento e cinquenta mil reais) mensais verificando conjuntamente a quantidade de empregados.

E o limite de faturamento anual é de R$ 4.800.000,00.

E para permanecer no Simples Nacional é muito importante estar com os parcelamentos em dia!

Tome cuidado para não ser excluído!

Leia  também – Hora de pensar nos parcelamentos

3 – Lucro presumido:

Sistema de tributação com alíquotas fixas sobre o faturamento.

É adotado geralmente quando a empresa não pode optar pelo Simples Nacional por proibição legal.

Ou, quando o Simples Nacional passa a não ser vantajoso em razão do crescimento do faturamento da empresa.

 

4 – Lucro real:

Sistema de tributação utilizado para empresas que tem uma margem reduzida de lucro.

E também por empresas impedidas de optar pelo lucro presumido ou Simples Nacional.

Portanto, os tributos são calculados com base no lucro da empresa, diferença entre a receita e a despesa.

Então,  é um sistema que envolve uma série de controles acessórios e uma maior organização por parte da empresa.

Qual será a sua tributação para 2020???

Então, procure profissionais especializados em planejamento tributário para responder essa pergunta!

E escolha o regime de recolhimento de tributos que se molda a realidade de sua empresa.

 

E olhe também a sua contabilidade e veja se ela expressa a realidade de sua empresa!

Leia: A tua contabilidade te entrega – 5 pistas que não precisam de vidente …

Solução Integrada da Omie:

Então, você empresário além de se preocupar em verificar a melhor tributação para sua empresa também deve ter um software que te ajude!

A Solução Integrada da Omie além de cumprir com os aspectos fiscais, te auxilia no controle gerencial de sua empresa!

Converse com a gente aqui do Dreher que te explicamos todos os benefícios!

 

 

Cristiane Dreher Müller

Olá! Sou contadora e advogada. Sou diretora do Escritório Dreher Contabilidade e Assessoria. Sou apaixonada pelo que faço! Por essa razão resolvi escrever neste espaço.Tento descomplicar e trazer de uma forma mais leve assuntos da área tributária e trabalhista, dentro do possível, é claro...Tenho sempre uma visão prática como contadora de empresas, que compreende a realidade dos empresários.CRC-RS 56.312/OAB-RS 49.457

    Cristiane Dreher Müller has 285 posts and counting. See all posts by Cristiane Dreher Müller

    Pin It on Pinterest